DJ GM e Oldilla “Polo Branca” MCs Kako, Vinny, Leozinho ZS, Piedro e Magal

DJ GM e Oldilla “Polo Branca” MCs Kako, Vinny, Leozinho ZS, Piedro e Magal Letra:

Vou de Lacoste polo branca
Jacaré da França
Bico fica louco e nós seguindo enchendo a pança
Nós só lança tendência o que nós faz virar moda
Na mente das paty quem tem a pica mais foda

Mas eu sei bem
Que o que os Zé povin desejo pra mim
Era bem diferente disso aqui
Eu sei bem e é por isso que eu vou

Lenda tipo Novak Djokovic
Lacoste Bulova Precisionist
Spliff de hash na sessão
Falsos ao meu lado cairão
Nego meu legado não

Essa é pra quem ta de coração
No corre sem revólver pé no chão
Hoje rende mas a “bi” já disse não
Vergonha na cara ela não tem
Mas senta bem e adora um tapão

Ó o quarteirão fazendo fila
Bitch quer ta na festa do Oldilla
Pros playba c*zao nós é o tormento
Drake vou de double escapamento
Vulto e vento “bi” fica tranquila

Haka na blunt de vanilla
Mesa farta e não deixa faltar, amém
Quantos se foi quantos vem
GM já sabe desses bicos quem é quem

Que eu to com a minha lady bitch dentro da suíte
Ces queria que eu não tivesse chegado aqui
Oldilla e GM no beat só não da chilique
As bebe vai pula na bala quer se divertir

Vários desacreditou da caminhada
Vários deu risada de nós
E nem sabe como agir quando escuta minha voz
Fica parada jogando na cara falando que um tapinha não dói
Mina feroz

Eu vou que vou cortando vento
E eu vou curtindo meu momento
Ela rebolando é um talento
De Lacoste branca é o tormento

De robô nos kit lançamento
Forte abraço invejoso eu lamento
Quer sabe se dinheiro tá tendo
Quer fuma o verde do veneno

Eu vou de 1300 black
Eu calei a boca dos loke
Eu chavaio de juliet
Eu sou tudo aquilo que ce queria ser (2x)

Vou de Lacoste polo branca
Jacaré da França
Bico fica louco e nós seguindo enchendo a pança
Nós só lança tendência o que nós faz virar moda
Na mente das paty quem tem a pica mais foda

Mas eu sei bem
Que o que os Zé povin desejo pra mim
Era bem diferente disso aqui
Eu sei bem, e é por isso que eu vou

MC Piedro
Um forte abraço pra todos que desacredito
Quer joga até mandinga
Quando ve nós na vida mansa
Viu a vitória não o corre
Nem o choro e as noites em claro
De Lacoste na costura sport americano
Chavaiando eu lancei o corte americano
E o olho azul patyzona incomum
Vem que tem
Quer senta pra poder comentar com as amigas
Que ja goz#$ na pica de artista
Posta no subdaleste no debochadas
Que o pirata se pá é o amor da tua vida
Eu sei que elas quer Victoria Secrets
E viver a vida no limite
Quer morar na minha suíte
Só tá esperando convite
Pra ta no couro do Civic
Ganhar lala e Louis V
Quer continuar a sentar
Tem que aprender a dividir
Sei bem mano
Os que tava lá
Notei mano
Poucos tava lá
Gastei umas milhas no MH
Sonhei e não deixei de acreditar (2x)

GM e Oldilla ritma a batida
Vou te dar um gato pra cuidar da vida
Já fui aquele neguin pobrezin
Que buscou saídas

Com inteligência e frequente
Sem tá na boca sem troca os pente
Atraco na Lacoste sou melhor cliente
Compro tudo e deixo um brinde pra gerente
Que me liga de noite quando ta carente
Vou mostrar pra ela que o drake chefuxo chegou diferente
Com as ideias pra frente

Empilha no cofre as nota de 100
Chama as piranhas e abre um harém
Vivendo intensamente é a tropa do mantém
A meca cortando o asfalto
O jato voando pelos altos
Comprando franquia fora dos estados
O homem é chato e é enjoado
A fragrância exala com o creme importado
Menos com menos é mais
Ande com poucos por que nem todos são leais
Aos de deus somos todos iguais
Muitos fazem filhos, mas poucos são pais

Carrego no peito histórias reais
De quem já sofreu
Mas não sofre mais

Olha, mudou, a picadilha
Mansão avalia em 43 milhas
Sonho de consumo da sua filha (2x)

Mas ae sou mais eu
Jacaré é o bicho
Nós vai com ouro no pescoço
E nem é pra mostra quem manda
Besta é você que se apega nisso
Ce tem dinheiro pra conta, mas com nós você não anda
Oldilla deu o papo vem com as letras diferentes
Maloca classe a dos conscientes
Nos buscou um cenário que a mente não imaginava
E pro terror dos inimigos a preta grande vai na frente
Joelho no chão aqui é o que faz proteção
Ferro vai no porte, mas é só de segurança
As pedigree de raça rende pros pitbulzão
Bagunça a mente dela é tirar doce de criança
E toda dificuldade que eu derrubei nessa vida
Serviu de aprendizado pra da mais valor
Como diz um velho ditado melhor pingar do que secar
E na onde tinha goteira a fonte transbordou

Mas eu sei bem
Que o que os Zé povin desejo pra mim
Era bem diferente disso aqui
Eu sei bem, eu sei bem

%d blogueiros gostam disto: