Hyperanhas – Surtou

Surtou – Hyperanhas Lyrics Letra:

Bigodin finin, cabelin na régua
Jogadão pelo Manguinho, DJ Chris Beats

ANDRESSINHA
Hyperanhas Original

Surtou quando no baile encostou
E me viu de canto, hmm yeah
E ele quer ser meu amor
Mas não faço esse favor, não, hmm yeah

NATH FISCHER
Acha que me engana, han, não engana não
Seu cheiro na minha cama me dá mais tesão
Fingi que me importo por pura diversão
De cruzar nossos corpos e botar com pressão

Só com a calcinha da Fendi, cabelo desarrumado
Eu entrei na sua mente
Chapada de Ciroc, copão na mão
Aditivo, entorpecente

Eu só quero seu bem, meu bem
Só não vai se apaixonar
Não sou de ninguém, neném
Eu não quero te magoar

Se quiser me encontrar, sei lá
Na madruga pode procurar
Faço do jeito mais gostoso
Que cê não encontra em outro lugar

Cê não encontra em outro lugar
Cê não encontra em outro lugar
Cê não encontra em outro lugar

ANDRESSINHA
Surtou quando no baile encostou
E me viu de canto, hmm yeah
E ele quer ser meu amor
Mas não faço esse favor, não, hmm yeah

Se quiser um momentinho pode até ficar do lado
Tu convence nos papinho enquanto aperto o baseado
Baby, eu sei, sou diferente e nem me importa o que tu sente
Só dou atenção pro que nós faz no quarto

Então relaxa que eu sei que tu diz que ama
Mas se faz de santo e não é pra tanto
E sei que disfarça bem, mas não engana meu bem
Se faz de santo, mas…

Surtou quando no baile encostou
E me viu de canto, hmm yeah
E ele quer ser meu amor
Mas não faço esse favor, não, hmm yeah

Bigodin finin, cabelin na régua
Jogadão pelo Manguinho, DJ Chris Beats

Hyperanhas – Surtou

%d blogueiros gostam disto: