XRE – Azevedo

XRE – Azevedo Letra:
Verso 1: PL Quest
Ah, ah, ah, ah, ah, ah (PL Quest)
De quadriciclo na chumbada chamando atenção
Ela pede meu telefone enquanto eu aperto um balão (Apertei, apertei)
De rolê no Pira fumando balão (Pew-pew)
Atravessei vitrine e lounge tocando meu som (Pow-pow-pow-pow)
Então quem diria? Mec, ela veio sarrar em mim
Só me via a pé pelo baile, hoje eu tô de trem novin’
Sempre teve eu е Benny (Benny)
Mermo jеanzin’ old e Kenner (Kenner)
Pode tentar me forjar
CHB Zona Sul, nossa tropa não rende (Uh, uh)
Sei que vale caro o meu sêmen
Ela pede pra sentar no pau
Fala que o PL é diferente, é original (Original)

Refrão: Azevedo
Uh, meiota zero, XRE (XRE)
Vivendo a vida, seja o que Deus quiser (Yeah)
Rebola enquanto o grave bate (Oh-ooh)
De quatro te empurro, p***
Preta, essa bunda enorme vai ficar tão linda na XRE (Yeah)
Vem, mulher, de 66 nós mete o pé (Oh-ooh)
Fuma essa maconha, gata, me chupa na ponta do pé (Oh-ooh)
Marola de cria, álcool, sexo e mulher

Verso 2: Azevedo
Beat do AJ, minha tropa te quebra
De quatro jogando essa bunda, não para (Não)
Não cansa, não para, não importa, de quebra
Tu senta e não para, rebola pros cria
Botando com raiva na branca da Barra
Que fode com o AJ e fode com o AZ
Passei na Chumbada com duas safada
Liguei pro PL, acionei o Benny

Verso 3: Benny
Se tu tivesse na vitrine, gata, eu comprava (Yeah)
Te levei no Sétimo Round, tu precisava (Uh)
Tu disse que me amava muito (Yeah), eu nem notava
Mas antes de toda essa grana, onde ‘cê tava?
Eh-yeah-yeah, e agora o cabelo não cresce (Não cresce)
Tá sempre na bala
Quem vê conhece, esquece
A-AJ não falha
Garota, sobe e desce (Desce)
Se desliga, não para
Meus irmão conta espécie
Invejoso anda na mala (Trem Of Gang)
Perfume da 212
Bunda grande sem dar zoom
CHB Zona Sul
Capto na Zona Sul
Chumbada é Zona Sul

Verso 4: Feek
Bota na, bota na cara a Juju (Uh)
Vou de meiota, guardei minha X1 (Uh)
Esse copo mudando de cor (Oh)
Tem da verde, da roxa e da azul (Uh)
Uma loira, uma preta e uma ruiva (Uh)
‘Tão brigando pra vim na garupa (Garu’)
Ela quer montar na Teneré (Teneré)
Mas hoje eu não quero essas- (Tsc, tsc, tsc)
(Elas fornece) Yeah, uh
Elas balança, yeah, uh
Joga na cara, yeah, uh
Tem várias modelo’, yeah, uh
Lotando minha casa, yeah, uh
Marijuana (Bafa na, bafa na)
Bafa na onda
Pra faixa rosa
Um buquê de Colômbia

Refrão: Azevedo
Uh, meiota zero, XRE (XRE)
Vivendo a vida, seja o que Deus quiser (Yeah)
Rebola enquanto o grave bate (Oh-ooh)
De quatro te empurro, p***
Preta, essa bunda enorme vai ficar tão linda na XRE (Yeah)
Vem, mulher, de 66 nós mete o pé (Oh-ooh)
Fuma essa maconha, gata, me chupa na ponta do pé (Oh-ooh)
Marola de cria, álcool, sexo e mulher (Wow-wow!)
Letra lyrics lyric letras versuri musiek lirieke tekstet paroles

%d blogueiros gostam disto: